Fotografia: Simples (Simple)

IMG_5135 (2)

O vazio e o tempo. Um, o infinito por inteiro. Outro, o movimento contínuo. Não vivem separados. Habitam a solidão dos dias, a revolução dos olhos, o horizonte que se afasta. Vazio e tempo. Não há mais tempo para o vazio no vazio do próprio tempo. Somos nós que damos os passos para a vida viver.

The emptiness and the time. One, the infinite in all. Another, the continuous movement. They don’t live apart. The solitude of the days, the revolution of the eyes, the horizon that moves away inhabit. Empty and time. There is no more time for emptiness in the void of time itself. We are the ones who take the steps for life to live.

El vacío y el tiempo. Uno, el infinito en todo. Otro, el movimiento continuo. No viven separados. La soledad de los días, la revolución de los ojos, el horizonte que se aleja habitan. Vacío y tiempo. No hay más tiempo para el vacío en el vacío del tiempo mismo. Somos nosotros los que damos los pasos para que la vida viva.

Foto: Chronosfer.

22 comentários em “Fotografia: Simples (Simple)

  1. Simples

    Una escala de azules
    junto a borbotones
    magenta y rojos vivos.

    Un paseo de luz
    entre tonos alma
    y el devenir del corazón.

    Una arquitectura blue
    de filosos despuntes
    y la paciencia latente.

    Un pensamiento de tonos
    para meditar con tiempo
    y la fragilidad fuerte del color.

    Curtido por 1 pessoa

    1. e pensar que este post foi feito por puro acaso. o objetivo era exatamente os galhos à direita da foto, que está em uma árvore frontal a minha janela e nas frutas vermelhas os pássaros se divertem. estava tentando fotografar um bem-te-vi que ali estava e não consegui, e de repente vi a composição que é o post. o texto veio junto. teu comentário é maravilhoso. muito obrigado. o meu abraço.

      Curtido por 2 pessoas

    1. Oi, Renata…que bom amanhecer com a suavidade do sol (ainda, antes de ele “se esquentar”) e te encontrar aqui. E junto uma frase maravilhosa: A vida: um verdadeiro balé. O texto que não escrevi no post. Tua sensibilidade e talento fazem falta (muita). Muito obrigado. Meu abraço carinhoso com afeto e café coado por pano( teu texto me trouxe tanto que não sei o que escrever mas logo estarei de volta com as palavras) Feliz domingo.

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s