Fotografia: Colagem da natureza (Nature collage)

Em frente a minha janela mora um pinheiro. Acompanho-o dia após dia, em todas as estações. Desde o seu verde espetado até a ferrugem no inverno, as pinhas despencando perto do Natal e ser um ponto obrigatório de parada para os pássaros. Ele tem a companhia de outro pinheiro, mais a esquerda, e juntos se completam em seus galhos muitas vezes entrelaçados. Em algum dia perdido no meu calendário, olhei para um movimento diferente bem na direção dos meus olhos. O sol já havia anunciado que seria mais quente que os outros dias, e se fez o contraluz. A dança que testemunhava era de uma borboleta. Depois do registro, o que ficou é a imagem do post. Parece uma montagem, quase uma colagem talvez, mas contraste que permanece fustiga o imaginário a voar para além da imagem e dos pensamentos.


In front of my window lives a pine tree. I accompany you day after day, in all seasons. From its spiky green to rust in winter, the pine cones plummeting near Christmas and be a must-stop for birds. He has the company of another pine tree, more to the left, and together they complete themselves in its branches often intertwined. At some time lost in my calendar, I looked at a different movement right in the direction of my eyes. The sun had already announced that it would be hotter than the other days, and the backlight was made. The dance i witnessed was a butterfly. After registration, what remained is the image of the post. It looks like an assembly, almost a collage perhaps, but contrast that remains squeathes the imaginary to fly beyond the image and thoughts.


Frente a mi ventana vive un pino. Te acompaño día tras día, en todas las estaciones. Desde su verde espigado hasta el óxido en invierno, los conos de pino se desploman cerca de Navidad y son imprescindibles para las aves. Él tiene la compañía de otro pino, más a la izquierda, y juntos se completan en sus ramas a menudo entrelazadas. En algún momento perdido en mi calendario, miré un movimiento diferente en la dirección de mis ojos. El sol ya había anunciado que sería más caliente que los otros días, y la luz de fondo se hizo. El baile que presencié fue una mariposa. Después del registro, lo que quedó es la imagen del post. Parece un ensamblaje, casi un collage tal vez, pero el contraste que permanece chirria el imaginario para volar más allá de la imagen y los pensamientos.









Foto: Chronosfer.

31 comentários em “Fotografia: Colagem da natureza (Nature collage)

    1. Oi Juliano, muito obrigado. Deixa te dizer, o post é feito para ser uma espécie de três em um separado. Às vezes, como o de hoje, o texto acompanhou a imagem e a música veio ao natural, gosto muito do Almoço Di Meola e seu violão. Fico feliz que tenhas gostado. Um grande abraço e cuide-se muito.

      Curtido por 1 pessoa

  1. Realmente é uma fotografia digna ao “Prêmio Pulitzer de Fotografia” Fernandíssimo, mas o seu texto inevitavelmente me remeteu a música “O Ipê e o prisioneiro” eternizada nas vozes de “Liu e Léu” em situações muito parecidas dos dias atuais. Aquele flagrante que nossos olhos pousam é um registro que nos pertence… clicar ou não clicar, eis a questão! Postagem linda ! Rapaz… fiquei feliz por saber que já tomou a “JacareVAC” rsrsrsrs… bem-vindo ao Democrata Futebol Clube de Sete Lagoas kkkkk ! Um forte abraço reptiliano!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Assim terás que me visitar na reserva ecológica do Taim, já estou pedindo aos companheiros te receberem em paz. Agora, deixa de ser exageradiíssimo: Pulitzer de Fotografia!!!! Estou mais para o putz de fotografia pela sorte que tive e ainda ser contraluz. Como a borboleta ficou estática até hoje me pergunto e o mais complicado para mim deixar nítido o registro. Enfim, essas coisas só acontecem com torcedores fanáticos do Democrata. Abraçiíssimo meu amicíssimo Sandriíssimo. Muito obrigadiissimo.😂👍☕️

      Curtido por 1 pessoa

      1. Thank you so much, really. I like to shoot, but in the last two years most of them have been made from the window where I live. I wish everything that goes soon and we can be in good health and we can travel again. Keep taking care of yourself, please.

        Curtido por 1 pessoa

      2. Yes, I am the same, most of my photos are just outside where I live. It will be nice to travel around again. I am definitely trying to be very careful these days, especially since now it has gotten so bad here, the worst it has been. Thank you so much, you take care also, this virus is not gone yet.

        Curtido por 1 pessoa

  2. Dileto Amigo,

    passo para deixar-lhe um abraço. Quanto aos pinheiros e à borboleta e outros e outras “comoções” as quais, vez por outra, somos confrontados, estou absolutamente certo de que nos impelem ao inevitável: viver, com cinco letras.

    Até.
    Darlan

    Curtido por 1 pessoa

    1. Um momento de pura sorte, o olhar para o movimento em meio a tanto sol e arrisquei fotografar. E ficou parecendo uma colagem ou montagem. Uma foto que me feliz muito feliz. Sensitiva sempre você, Gabriela, e estar aqui me deixa ainda mais feliz. Beijo e um abraço imenso.❤️💐☕️

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s