Fotografia: Memória dos olhos (Memory of the eyes)

Pintura

O tempo habita os olhos. Os olhos habitam a vida. Ambos vivem em conjunção e, em algum ponto do infinito, se encontra. Os olhos são memória. Dentro do tempo, estão em permanente movimento. São eles que nos guiam pelos caminhos das incertezas.

Time inhabits the eyes. The eyes inhabit life. Both live in conjunction and, at some point in infinity, is. The eyes are memory. In time, they’re in permanent motion. They are the ones who guide us through the paths of uncertainty.

Foto: Chronosfer. Depois de dias em revisão clínica e física, aos poucos a vida em mim se torna normal. E assim, também aos poucos, retorno ao Chronos, ao convívio dos amigos do WP. Estou bem, saúde enfim estável e pronto para seguir a velocidade dos dias.

After days in clinical and physical review, gradually life in me becomes normal. And so, little by little, I return to Chronos, to the conviviality of wp friends. I’m fine, health finally stable and ready to follow the speed of days.