Novo endereço, mesmo Chronos

A partir de hoje o Chronosfer original, passa a ser Chronosfer2.wordpress.com. Todos os blogs que sigo continuarão a ser seguidos e tenho a esperança que os seguidores do Chronos passem para o 2 também.

A todos, sejam bem-vindos e sintam-se à vontade sempre.

 

Anúncios

Fotografia: Esperança (Hope)

IMG_0278-001 (2)

IMG_0279-001 (2)

Fotos: Chronosfer. Todas as manhãs ele bate ponto em nossa sacada. pede comida. É delicado. Sensível. Conversa. Às vezes, apenas passa por esse pequeno espaço e avisa que está li e depois voa para o seu infinito. E retorna. Ele é a esperança que habita nossas almas, porque nunca desiste, e sempre retorna onde encontrou seu lar.

(Obs.: Ele vive livre. A imagem pode sugerir uma grade prendendo-o, é apenas reflexo do sol da manhã, pois apenas consigo fotografá-lo com a janela fechada.)

Every morning it hits point on our balcony. asks for food. It’s delicate. Sensitive. Conversation. Sometimes it just goes through this little space and tells you it’s read and then it flies to its infinity. And returns. He is the hope that inhabits our souls, because he never gives up, and always returns where he found his home.

(Note: He lives free. The image may suggest a grid holding it, it’s just a reflection of the morning sun, because I can only photograph it with the window closed.)

Fotografia: Imaginação (Imagination)

Chile 8 (2)

Foto: Chronosfer. O que nos salva é a imaginação. Criatividade. Sonhar. deixar para trás a violência e usarmos nossa capacidade para promover a paz entre todos.

What saves us is the imagination. Creativity. To dream. to leave behind the violence and to use our capacity to promote peace among all.

Fotografia: Mesma foto, enquadramentos diferentes (Same photo, different frames)

2193 (3)

2195 (2)

2197 (2)

Fotos: Chronosfer. O enquadramento é olhar definitivo? Não. o olhar está sempre alerta, aberto em todas as suas possibilidades. Em suas leituras. Essas fotos, são apenas simples exemplos. O meu olhar cristalizou na terceira foto.

Is framing a definite look? No. The look is always alert, open in all its possibilities. In your readings. These photos are just simple examples. My look crystallized on the third photo.

Fotografia: Criatividade (Creativity)

1235 (3)

1237 (3)

1234 (2)

Fotos: Chronosfer. As ruas são o coração de uma cidade. Suas gentes, a alma. A criatividade, a vida, o sonho, a realidade. O olhar, apenas testemunha.

The streets are the heart of a city. Its people, the soul. Creativity, life, dream, reality. The look, just witness.

Fotografia: Olhares (Looks)

IMG_2348 (2)

IMG_2337 (2)

IMG_2331 (2)

Fotos: Chronosfer. O olhar é um sonhar. Espelho de si mesmo. Sonha o voo dos pássaros. Sonha o correr do tempo.  As linhas do horizonte são desafios. O olhar é o que mantém a esperança viva dentro do seu reflexo.Olhar é poesia que não precisa ser editada, escrita em livro ou jornal, na internet, em lugar algum.

The look is a dream. Mirror of himself. Dream the flight of birds. Dream the run of time. The horizon lines are challenges. The look is what keeps hope alive within your reflection.Look is poetry that does not need to be edited, written in a book or newspaper, on the internet, anywhere.

Fotografia:Horizontes (Horizons)

IMG_0686 (2)

IMG_0685 (2)

IMG_0678 (2)

Fotos: Chronosfer. O horizonte além da sua própria linha. O imaginário. O sonho. O desafio. O perigo. O superar. O objetivo. O horizonte é muito mais que uma linha imaginária. É a vida se revelando em sua plenitude.

The horizon beyond its own line. The imaginary. The dream. The challenge. The danger. O overcome. The goal. The horizon is much more than an imaginary line. It is life unfolding in its fullness.

Fotografia: Olhar do tempo (Look of time)

978 (4)

960 (3)

977-001 (3)

Fotos: Chronosfer. O olhar cristaliza o tempo. O tempo não cristaliza o olhar. Ambos, convergem para o presente, sem esquecer o passado e, juntos, olham – sonhadores – o futuro.

The look crystallizes time. Time does not crystallize the look. Both converge to the present, not forgetting the past and, together, look – dreamers – the future.

Fotografia: Tempos vividos (Time lived)

385 (4)

611 (2)

768 (3)

871 (2)

Fotos: Chronosfer. Em algum tempo, os tempos se encontram. Não escolhem o se o tempo presente, passado ou futuro. São eles que nos conduzem pelo tempo de hoje, sem esquecer o ontem e olhar o amanhã.

In some time, the times meet. Do not choose the whether present, past or future time. It is they who lead us through today’s time, not forgetting yesterday and looking at tomorrow.

Fotografia: Encontros (Meeting)

DSC04836 (2)

DSC04867 (2)

Fotos: Chronosfer. As esquinas dobram o tempo. O tempo dobra o próprio tempo. Nada dobra a alma. Os olhos marcam encontro com o (teu) tempo, depois de dobrar a esquina.

The corners fold time. Time doubles time itself. Nothing doubles the soul. The eyes mark (your) time after rounding the corner.

Fotografia: O abraço das águas (The hug of the waters)

DSC04872 (2)

Foto: Chronosfer. O vento suave sopra as águas, as copas das árvores, as ruas desertas. Na beira do cais, os barcos dialogam com suas bandeiras. Nas águas, se encontram com suas cores e abraçam a vida que deixou de ser solidão.

The soft wind blows the waters, the treetops, the deserted streets. On the edge of the pier, the boats dialogue with their flags. In the waters, they meet their colors and embrace life that has ceased to be solitude.